Autor: Jojo Moyes                                             
 Editora: Intrínseca   
 Páginas: 320
Sequência: Depois de Você
 Onde Comprar: Submarino | Saraiva | Amazon
  Classificação: 

Neste livro, Louisa Clark é uma mulher de 26 anos que acabou de perder seu cômodo emprego de garçonete de um café em uma pequena cidade da Inglaterra. Ela mora com seus pais, seu avô, sua irmã e seu sobrinho e possui um relacionamento de sete anos, mas por mais tempo que ela mantenha esse relacionamento, seu namoro é superficial e cômodo (como quase tudo em sua vida). Louisa não tem ambição nenhuma e é tirada da sua zona de conforto quando o café em que trabalhava fecha. Depois disso, ela é obrigada a conseguir outro emprego rápido, pois sua renda ajudava muito a situação financeira de sua casa, mas como ela não tem estudos (nem ambição), demora um pouco até que consiga um emprego em que possa se adaptar tão bem quanto seu antigo emprego. Até que surge a oportunidade de trabalhar como cuidadora de uma pessoa tetraplégica, seu nome é Will Traynor, de 35 anos, que ficou tetraplégico depois de ter sido atropelado por uma moto há dois anos. Antes do acidente, Will era uma pessoa super ativa, inteligente, trabalhador e aventureiro, por isso é muito difícil que ele aceite sua condição de tetraplégico,  mesmo depois de dois anos de seu acidente. As coisas começam a mudar depois que Louisa começa a trabalhar para ele, tanto ele quanto ela, mudam a forma ser, de pensar e de agir um do outro.

Naty: Gostei muito desse livro principalmente por não ser uma história de amor romantizada demais e por ter elementos que são condizentes com a realidade. O livro possui inúmeros momentos engraçados, consegue descrever bem o sofrimento de uma pessoa tetraplégica e o sofrimento da família também. Jojo Moyes consegue escrever com bastante delicadeza assuntos muito pesados, por isso o livro tem muitas lições de moral e frases de efeito. É muito interessante acompanhar a trajetória de Louisa, uma pessoa que no início do livro era tão acomodada e sem nenhuma expectativa da vida, ela não teve uma mudança repentina como acontece em muitos filmes, mas ela teve uma mudança suave,  dando um passo de cada vez, agindo de formas que talvez ela não agiria antes de conhecer Will. Por fim, por mais que não concorde muito com o final do livro, gosto muito dele e é super indicado!

Karol: Gostei muito desse livro, pois ele faz com que o leitor  reflita sobre as pequenas coisas da vida e passe a valorizá-las, é um livro que nos emociona a cada página. Tem um romance suave tratado com delicadeza na medida certa, fazendo com que o leitor se envolva na história aos poucos e passe a torcer para o casalÉ um livro que eu recomendo muito, pois mostra a luta diária pela vida, apesar de eu não concordar em partes com o final.






Deixe um comentário