Olá pessoal! Hoje estou aqui novamente para fazer o nosso segundo "Além da Resenha" aqui do blog. O primeiro foi sobre o filme "Caminhos da Floresta" , que é um ótimo filme e sugiro que vocês deem uma olhada neste post caso já tenham visto o filme. Hoje resolvi trazer a análise do livro "O Pequeno Príncipe", que é um dos meus livros favoritos e que fez parte da vida de muita gente. Se vocês gostarem e quiserem, digam nos comentários que eu posso fazer uma análise do filme "O Pequeno Príncipe" que foi lançada o ano passado.



      Este livro é destinado a crianças, embora tenha muito conteúdo filosófico para os adultos. O livro é narrado em primeira pessoa, contando a história de um homem, desde que ele era criança, contando sobre os desenhos que fazia e mostrava aos adultos, e estes não entendiam. Quando esta criança cresce se torna piloto. Seu avião cai em um deserto no Saara, e lá ele encontra o Pequeno Príncipe, que pede para que o piloto desenhe um carneiro para ele, a partir disto, o Pequeno Príncipe conta suas histórias para o piloto.

       Acredito que hoje é muito difícil alguém ainda não ter lido este livro, mas caso você ainda não tenha lido, pare de ler por aqui, leia o livro e depois volte, porque neste post haverão spoilers.

Resultado de imagem para o pequeno principe livro frases

       O livro começa com a narração do piloto contando como começou a desenhar quando era criança, ele havia visto um documentário sobre as cobras na televisão, e desenhou uma cobra que comeu um elefante e por isso, ficou com o formato dele por dentro. Porém ao mostrar esse desenho para os adultos, eles assimilaram com um chapéu, ninguém percebeu o que o piloto estava querendo mostrar, então ele desenhou novamente, só que desta vez mostrando o elefante por dentro da cobra, para que as pessoas pudessem entender seu desenho com mais facilidade. Por ai já podemos pensar que nenhum adulto conseguiu entender o que a criança havia desenhado. As coisas nem sempre são o que parecem ser. Por mais que seja um livro de 1943, ainda podemos assimilá-lo com a nossa realidade. Pois vivemos em uma sociedade que requer respostas rápidas e objetivas, sem ter tempo para a imaginação. Também podemos perceber isso no segundo desenho, em que mesmo as pessoas o entendendo, aconselharam o garoto a se dedicar a coisas mais objetivas, como geografia, história, cálculo. Mostrando também, como muitas vezes somos desencorajados por críticas negativas a fazer algo que gostamos de fazer.

      Assim esta criança se tornou o piloto. Seu avião teve um pane no deserto do Saara, e lá ele conheceu o Pequeno Príncipe, que pede para que ele lhe desenhe um carneiro. O piloto relutante em desenhar novamente, faz o desenho do elefante e da jiboia, para sua surpresa, o Pequeno Príncipe entende seu desenho rapidamente e torna e pedir o desenho do carneiro. O piloto desenha vários carneiros, mas o Pequeno Príncipe sempre percebe algo de errado com eles e pede outro carneiro, até que o piloto desenha uma caixa e diz que o carneiro que ele deseja está lá dentro. Neste momento podemos perceber a importância da imaginação para contornar os problemas que surgem em nosso cotidiano. O Pequeno Príncipe conta ao piloto sobre seu planeta, sua rosa e sobre os planetas que visitou.

       A rosa é bastante destacada na história por ser o objeto de amor do Pequeno Príncipe, mas os caprichos da rosa afastam o Pequeno Príncipe dela e de seu planeta. Lembrar da rosa faz com que o Pequeno Príncipe tenha vontade de retornar ao planeta. Mostrando a dualidade e dificuldades que podem existir nos relacionamentos amorosos, diferente dos casais que são mostrados na maior parte dos filmes.

Imagem relacionada

       No primeiro planeta que visita, o Pequeno Príncipe encontra o rei, que possui um planeta vazio e não consegue fazer nada acontecer além do que já iria acontecer naturalmente, independente de sua ordem. Mostrando que muitas vezes achamos estar no comando de algo e não percebemos que algumas coisas podem ocorrer independente de nossa vontade. E também que não adianta exigirmos de alguém mais do que essa pessoa pode oferecer. Precisamos lidar com as nossas limitações e com as dos outros e tomarmos a consciência de que nem sempre o que queremos está em nosso alcance.

         Em um novo planeta, o Pequeno Príncipe encontra o Vaidoso, que é o único habitante de seu planeta, que deseja ser sempre elogiado como o melhor em tudo. Pensando neste personagem consigo pensar nas redes sociais, em que as pessoas colocam fotos ou até mesmo frases, sempre mostrando tudo o que estão fazendo na busca de elogios, parecendo que não há valor no que fazemos ou somos se os outros não virem ou não comentarem.

Resultado de imagem para o pequeno principe livro frases

        Depois ele encontra o Bêbado, que bebe para esquecer a vergonha de beber, mostrando o vício como algo que faz com que as pessoas fujam da realidade e dos problemas que possuem na vida.

       No próximo planeta, ele encontra o Homem de Negócios, que está tão absorto em seu trabalho que quase não nota a presença do Pequeno Príncipe. Acredita ser o mais rico por se apropriar das estrelas, mas de que adianta possuir todas as estrelas se não saber o que fazer com todas elas? Isso nos remete aos adultos, que vivem apenas para trabalhar, ganhar dinheiro e deixam o restante em segundo plano, esquecendo-se de que não terão tempo o suficiente para gastar o dinheiro que ganham com coisas que realmente valem a pena.

      Depois disso ele encontra o Ancededor de Lampiões, que tema função de acender o lampião a noite e apagá-lo de dia, porém o planeta gira tão rápido que o sol se põe a cada minuto, tornando o seu trabalho insignificante. Ao pensar nesse personagem consigo relacioná-lo com pessoas que trabalham a anos na mesma empresa, exercendo a mesma função, sem pensamento crítico e sem questionar a importância de seu trabalho naquele lugar.

      No próximo planeta ele encontra o Geógrafo, que escreve livros enormes e possui um enorme conhecimento com relação a outros lugares, mas não sabe nada sobre seu próprio planeta. Isso representa o desprezo que temos muitas vezes pelo que possuímos, desejando o que vem de fora.

Resultado de imagem para o pequeno principe livro frases
      Depois disso o Pequeno Príncipe vem para a Terra, e encontra várias rosas iguais a sua amada, mas aprende com a raposa que sua rosa é importante apenas para ele devido ao tempo que passou com ela. A raposa pode ser vista como sabedoria, pois ensina valiosas lições ao Pequeno Príncipe.

      A cobra claramente representa a morte, pois com sua mordida manda o Pequeno Príncipe de volta ao seu planeta.

Resultado de imagem para o pequeno principe livro frases

       Existem muitas pessoas que se dizem "amar" o Pequeno Príncipe e dizem isso apenas por causa dessas frases, devem ter lido o livro há tanto tempo que nem se lembram da verdadeira história, lembram-se apenas das frases. Mas assim como as frases de efeito, a história também possui efeito e merece ser lembrada e analisada, pois a cada vez que lemos este livro, conseguimos tirar uma reflexão e um aprendizado diferente, e isso apenas acontece com os melhores livros!


     Espero que tenha gostado! Deixem nos comentários suas opiniões e interpretações diferentes que vocês conhecem deste lindo livro! 

Gif Pequeno Príncipe


13 Comentários

  1. Oii...
    Já tem algum tempo que eu li O Pequeno Príncipe. É um livro que eu gostei muito, mas, como vc disse, com o tempo a gente acaba esquecendo algumas coisas e é sempre bom reler para tirar novas lições dele.
    Adorei o post!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu sou uma das pessoas que nunca leu a história, tudo que eu via era postagens sobre frases de efeito, tanto que pensei que o livro fosse apenas isso. Mas com essa "resenha" pude ver o quanto ele pode passar inúmeras mensagens a respeito de como vivemos, bem mais do que pensava. Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  3. Eu AMO este livro! Ele é tão lindo, as frases também. Acho que este post vai deixar as pessoas que ainda não leram com conta de fazê-lo! Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha sobre o livro e confesso que o li faz muito tempo e realmente as frases de efeito que contém nele são de chamar muita atenção. Mas vou seguir o seu conselho, vou ler novamente, pois acredito que a cada releitura adquirimos um aprendizado diferente.
    beijinhos ♥

    ResponderExcluir
  5. Olá, Luana.
    Ainda não realizei a leitura desse livro, mas irei aproveitar que meu irmão ganhou ele de presente de natal e irei lê-lo. Espero gostar dele!

    Beijo,
    http://pactoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá! Adorei!
    Eu li esse livro aos treze, aos 19, aos 25 e aos 44 anos rá e sempre trago algo de novo para minha vida, sempre tem algo que deixei passar! rs
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. adorei, "O pequeno príncipe" é um livro incrível *-*

    ResponderExcluir
  8. Olá Nati, tudo bem?
    Depois de ouvir muito falar de PP eu fui ler ano passado, mas confesso que... Não curti como achei que iria, infelizmente o livro e eu não tivemos muita conexão, mas acredito que se tivesse lido antes com menos idade eu teria aproveitado melhor.
    Linda resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oii
    Eu sou dessas pessoas que amam a história do Pequeno Príncipe, mas nunca as leu realmente. Eu assisti ao desenho quando era criança e sinto que amei a história, apesar de não me lembrar muito bem dela, apenas de algumas cenas.. rsrs
    O pequeno príncipe é um dos livros que está na minha wishlist e que sempre quando vou comprar acabo deixando de lado e comprando algum outro livro...

    ResponderExcluir
  10. OOi!
    Acredita que nunca li o livro? kkk Mas como disse, mesmo quem não lembra da história lembra das frases. E mesmo eu, que nunca o li, também conheço e amo as frases.
    Ainda não assisti ao filme, mas tenho muita vontade. Nem que seja antes de ler o livro. <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá amore... simplesmente um prazer ler seu post, afinal amooo O Pequeno Príncipe. Também é um dos livros que mais amo.
    Adorei a análise que você fez, está de parabéns!
    Matei um pouco a saudade desse fofura de livro.
    Obrigado pela visita!
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  12. Olá!!
    Analisar o pequeno príncipe é ainda melhor do que só lê-lo, não? Eu amei o livro, fez muito sentido pra mim... espero ler de novo esse ano, acredito que signifique de uma outra forma agora...
    bjss

    ResponderExcluir
  13. Oi Natali, sua linda, tudo bem?
    Esse é um dos meus livros preferidos. Você disse algo no fim do seu texto que é a minha impressão sobre o livro até hoje: se lermos essa história mais de uma vez, em fases diferentes da nossa vida, nossa maturidade e experiência nos farão ter outra interpretação, ou enxergar coisas que não conseguimos antes. Por isso, que até hoje esse livro impressiona, em minha opinião, o autor é simplesmente incrível!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir