Olá, pessoal!

Hoje eu trouxe a entrevista c0m uma das parceiras do blog, a autora Juliete Vasconcelos Simões, autora do livro O Ceifador de Anjos que já tem resenha aqui no blog e é super recomendado!



1.                  Como surgiu a ideia da história?
A ideia surgiu na minha primeira gestação, há quatro anos, mas somente na segunda gestação, ela se desenvolveu por completo na minha cabeça, mas ainda assim, comecei a escrever apenas esse ano.                       

2.                  Qual foi a parte mais difícil de escrever?
Eu não diria a parte mais difícil, mas a que ocupou grande parte do meu tempo, as pesquisas, pois tive que fazer inúmeras pesquisas para desenvolver a trilogia.                       

3.                  Qual foi a parte mais fácil?
Colocar as ideias no papel, com certeza, porque é fácil, prazeroso e uma realização a cada página escrita.                       


4.                  Como você faz para divulgar o livro?
Inicialmente, divulguei em mais de 50 grupos no Facebook, quase que diariamente, tentei outras redes sociais também, e agora, tenho feito parcerias com blogueiros e booktubers.    
                    
5.                  Sentiu vontade de mudar algo na história depois que o livro já estava finalizado?
Não, porque apenas comecei a escrever depois de ter toda ela pronta na minha cabeça. Ao longo da narrativa, tive vontade sim de mudar uma coisa ou outra, como não matar esse ou aquele personagem, mas não mudei nada, fui fiel a toda ideia original.                       

6.                  Como você desenvolveu a história e as motivações de Vincent?
Não parei para pensar a respeito, para ser franca. Sou leitora de romances policiais e viciada em séries criminais, obviamente tudo contribuiu. A estória se desenvolveu em minha cabeça, por fim, eu pus tudo no papel enquanto fazia as pesquisas necessárias. Quando engravidei do meu primeiro filho, simplesmente pensava, e se houvesse um monstro capaz de matar uma mãe apenas para tirar-lhe o bebê, aí vieram os sonhos, ou melhor, os pesadelos... Penso que fora o fruto do meu vício pelas séries e filmes com psicopatas.       

7.                  Imagino que descreve cenas de assassinato deve ser uma tarefa muito difícil, principalmente quando você narra os sentimentos e pensamentos das vítimas, como você conseguiu descrever esses sentimentos?
Para todo personagem que escrevo, tento mergulhar nas suas emoções, sentir o mundo em volta como eles sentiriam, enfim, tento ser momentaneamente aquele personagem que crio.                                              

8.                  Que sentimento ou mensagem você quis passar para as pessoas com o seu livro?
Sinceramente, nunca pensei em escrever com a intenção de passar mensagem alguma,  a não ser entreter o leitor, que assim como eu, ama ler romances policiais. No entanto, percebo que muitas lições podem,sim ser tiradas da narrativa: As aparências enganam (clichê, mas a realidade), pessoas de boa aparência e de alto poder aquisitivo estão acima de qualquer suspeita, lamentável, mas é a verdade, a internet pode ser a principal arma usada contra você, cuida das informações que expõe sua vida , não importa o quanto acreditamos que conhecemos alguém, não o conhecemos realmente.                         

9.                  Qual música você acha que combina como uma “trilha sonora” do livro?
Nunca pensei em trilha sonora ou mesmo em elenco, acredita? Acho que não tenho essa sensibilidade para associar tais informações.
       
      10.          Deixe uma dica para novos autores.

Uma apenas? Escreva, escreva e escreva, todo dia um pouquinho. E acredite sempre em você, no seu trabalho, não espere pelo reconhecimento de pessoas próximas, e não desanime quando não houver nenhum incentivo. Seja você mesmo a sua motivação, realize-se ao dar o melhor de si sempre. 


Essa foi nossa resenha com a autora Juliete Vasconcelos Simões. Caso tenham gostado, vocês podem adquirir este livro aqui


Gifs: Engram Pixel                       


8 Comentários

  1. Uauu, adorei a entrevista, ela parece super fofa, e sincera, gostei de como abordaram as perguntas, fizeram ótima perguntas, interessantes, e que deixam os leitores loucos pela resposta... Beijoos

    ResponderExcluir
  2. ''Seja você mesmo a sua motivação'' ♥
    Adooorei a entrevista!
    A Juliete é um amor, fiquei com muitaaa vontade de ler o livro dela!
    Beeeijos

    ResponderExcluir
  3. Amei a entrevista!! A escritora é muito simpática e sincera, uma ótima escritora!! A entrevista também ficou muito boa!!

    ResponderExcluir
  4. Que entrevista linda! E a autora é mt fofa tb! Parabéns pela parceria de vcs, parabéns pelo sucesso dela como escritora e como mãe de 2 filhos. É mt legal qd a gente tem essa proximidade com os autores. Saber um pouco "do outro lado" da história é sempre legal. Eu me sinto como se tivesse cara a cara com um artista famoso... rsrs
    Bjks!

    www.mundinhodahanna.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. SHOW, não conhecia essa escrito, mas ela parece ser um amor, ótima entrevista e boas perguntas

    ResponderExcluir
  6. Olá! simplesmente ameiiii seu post, amo entrevistas da para conhecer melhor a autora
    e você arrasou nas perguntas e já estou querendo ler.
    www.pandapixels.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá, simplesmente maravilhoso e inspirador o post. A dica para autores iniciantes foi anotada!

    ResponderExcluir
  8. Adorei a entrevista!
    Nunca tinha ouvido falar sobre essa autora, mas depois da entrevista me interessei bastante para conhecer um pouco mais haha
    Gostei bastante das dicas que a autora passou!!
    Beijos!

    ResponderExcluir