Editora: DarkSide
Autor: Cynthia Hand
Número de página: 352
Onde comprar: Amazon/ Saraiva /Submarino 
Classificação: 




Olá leitores, tudo bem?

Hoje quero escrever nesse post minhas impressões sobre "O Último Adeus". Um livro que depois de ler várias críticas positivas, fiquei  com muita vontade de ler e enfim esse dia chegou. Li esse livro no mês passado no Torneio MLV, organizado pelo Vitor Almeida do canal Geek Freak. Bora lá conhecer um pouco da história!


          Nesse livro vamos conhecer a Lex uma garota  que passa a ter que lidar com uma perda terrível. Seu irmão Tyler  comete um suicídio, isso mesmo, ah! Não é spoiler, pois esse fato é revelado nas primeiras páginas do livro.

        Lex, após a morte de seu irmão começa a se consultar com um terapeuta e por não conseguir se expressar falando dos seus sentimentos sobre a morte do seu irmão, o terapeuta pede que ela escreva um diário, relatando as coisas que ela está pensando, seu dia a dia e também as coisas que deixavam ela e seu irmão felizes. A partir desse ponto ela começa a tentar se lembrar de algum momento que ambos estiveram felizes, mas acredita que isso não aconteceu que perdeu a chance de falar coisas boas ou melhor perdeu a chance de ser aproximar mais do  seu irmão e perceber sinais muito claros.


         Em um determinado momento do livro, Lex passa a ver seu irmão e a sentir a presença dele! Será uma loucura dela? O que isso significaria? Será que estaria Tyler tentando mandar uma mensagem?. Lex coloca a culpa disso tudo em diversos fatores e nesse longo processo de entendimento, Lex tem que lidar com provas da escola, divórcio dos pais e principalmente não deixar que as pessoas tenham pena ou medo de falar sobre esse assunto. Ah! tem sua mãe que esta sofrendo muito e Lex precisa fazer alguma coisa para que isso melhore e diversos outros acontecimentos tristes e até um pouquinho de mistério sobre alguns casos após a morte do seu irmão. Lex encontra uma carta escrita pelo seu irmão, mas seu remetente é sua ex-namorada  e tem que decidir o que fazer com ela.

       Bom, o que falar desse livro? É um livro que aborda um tema muito delicado, porém de uma forma sensível e bem tocante. Fala da superação que a pessoa tem que ter após a morte de um ente querido, ver as outras pessoas seguindo suas vidas enquanto você tenta encontrar novamente o equilíbrio da sua, e no caso de um suicídio tentar entender o que leva uma pessoa a fazer isso, apesar de nunca ter essa resposta. Lex é uma personagem muito forte e decidida que tem que viver com vários conflitos internos, várias dúvidas e questões a serem respondidas, porém com muitas mágoas que no decorrer do livro vai obter algumas respostas, no entanto precisa ser forte para mostra a todos e principalmente a sua mãe que tem que "tocar" a vida para frente. É um livro muito bem escrito, que me fez ficar encantada a cada página, possui uma mensagem muito bonita ao final que nos faz refletir sobre diversas coisas ao término da leitura. É  uma obra que mexe muito com o leitor! O que falar desse final? É de arrepiar!! Ver todo o enredo tomando forma e nos dando as respostas de forma tão delicada sobre um assunto tão complicado é algo envolvente. Eu super recomendo esse livro para o leitor que gosta de uma boa história!! 





Gif de borboleta






Digam nos comentários se já leram esse livro e o que acharam. Vamos adorara saber!!  Ah, gostaram da resenha?





Gifs: Engram Pixel e Cantinho Luma D.


14 Comentários

  1. Olá, tudo bem?
    Adorei a resenha, comprei esse livro depois de ler várias resenhas positivas sobre o mesmo, e não vejo a hora de iniciar.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  2. Olá! Desde que foi lançado estou louca pra ler!Só ouço coisas boas a respeito, fora que as edições da DSB arrasa! rs

    ResponderExcluir
  3. Oi!!


    Esse livro, assim como outros da editora já estou há algum tempo na minha lista. A sinopse é muito singular e pela sua resenha vejo que a escrita também a encantou.Lex parece um pouco comigo, rs, enfim, obrigada pela dica. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    O livro parece ser bem triste, mas ao mesmo tempo, tocante. Eu nunca tinha lido uma resenha dele, mas gostei da forma que a história segue.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Oi Karoline, tudo bem?

    Vejo todo mundo falando muito bem dessa obra, mas tenho mania de sempre deixá-la para o fim da fila, pois essa capa não é atraente para mim. A história do livro é realmente muito bonita e creio que deva ser muito tocante ir lendo e enxergando como a perca de um ente querido pode mudar uma pessoa completamente. O tema do livro me instiga bastante e acho que finalmente vou dar uma chance para o mesmo, foi fiquei muito curiosa com a carta e com este final!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Olá... tudo bem??
    Realmente é uma temática bem intensa a que se trata neste livro... sinceramente eu tento imaginar o que leva uma pessoa a cometer o suicídio, o que será que passa na mente dela? Eu acredito que o livro seja bem tocante e cheio de reflexão pelo seu comentário ao final da resenha, mas infelizmente esse é um dos livros da editora que não tenho pretensão de ler... Xero!

    ResponderExcluir
  7. Nem imagino como eu ia me sentir lendo um livro com esse assunto. Passei por umas coisas que, com certeza, intensificariam minha leitura, mas mesmo assim quero ler pelos vários comentário posivitos, inclusive o seu. Amo livros bem escritos, principalmente quando o autor sabe surpreender no final. E essa capa é linda. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi oi linda, tudo bem ??
    Só posso dizer que quero ler esse livro o quanto antes!!! É muito dolorido perder alguém que amamos, e por suicídio então, deve ser uma dor ainda maior. Amo livros que abordam temas tão delicados, e muitas vezes pouco discutidos como esse. A capa parece ser de um diário (talvez eu tenha sérios problemas oculares) e é bem pouco atrativa, nos mostrando que a capa de livro não é o mais importante. Dá pra perceber que o livro tem uma escrita bem sensível e imagino que a autora soube desenvolver a temática de uma forma belíssima, caso contrário o livro não teria tantos comentários positivos. Amei sua opinião!!! Esse vai subir para o início da lista sem dúvida !! Beijos do Wes ^^

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Já tinha ouvido falar no livro, mas não conhecia sua história. Achei interessante, é uma ótima leitura para sair da zona de conforto, mas não sei se o faria. Precisa-se escrever mais livros assim, delicados, mas informativos, abordando os mais variados temas.

    ResponderExcluir
  10. Olá Karoline!
    Ainda não li esse livro, mas estou louca de curiosidade e só posso dizer que sua resenha aumentou ainda mais minha vontade de ler. É muito legal saber que o tema, apesar de tenso, foi bem trabalhado e o livro ficou delicado. A única coisa que não me faz pegar esse livro para ler ele para ontem é ainda não tê-lo.
    Adorei sua resenha!
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  11. Olá! Tenho muita curiosidade em ler esse livro. É uma história que aborda um tema forte, mas que é possível tirar boas reflexões, não apenas sobre o tema, mas sobre a vida. Parabéns pela resenha escrita, atiçou minha vontade de ler. A edição da DarkSide está linda e bem caprichada. Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não li o livro mas, como você, sempre vejo resenhas positivas a respeito dele e minha curiosidade só aumenta. Quero muito ler, o tema abordado é mesmo bem pesado mas acredito que é necessário falarmos a respeito.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  13. Quando vi que a Darkside iria lançar esse livro o quis na hora pela capa e pela história é claro, amo livros com esse tema.
    Ganhei ele em um amigo oculto, mas ainda não tive oportunidade de lê-lo, está na minha lista de próximas leituras.
    Todas as resenhas que leio sobre ele são positiva e a sua não foi diferente, parabéns pelo texto e pelo blog, amei!

    Beijos

    ResponderExcluir